BOLETIM INFORMATIVO 43/2008

Enviado em Boletim de Editor | 3 de Maio de 2008 @ 17:34
Logotipo


NOSSOS RIACHOS


NEMA realiza um segundo encontro de trabalho para dar andamento ao Projeto de Recuperação do Rio da Barrinha.


Grupo verifica as condições das nascentes do rio da Barrinha

No dia 10 de abril de 2008, no Espassú, o NEMA voltou a reunir a comunidade de Cumuruxatiba para apresentação da seguinte pauta relacionada ao Projeto:

- Bica da casa de Geane (poço artesiano): A água fica jorrando o dia todo. A idéia foi de instalar um reservatório com torneira para que essa água não seja desperdiçada.
- Data do mutirão de limpeza e atividades de conscientização: 05/06/2008.
- Esgoto: orçamento para construção de fossas sépticas ou outras alternativas;
- Discussão do mapeamento da área, que começou durante a semana;
- Coleta de sementes e preparo de mudas: doações através da Aldeia Tibá (projeto em elaboração);
- Procurar ajuda de especialistas na área para orientação na execução do projeto;
- Visita a Aracruz: Devido a grande quantidade de mudas de espécies para reflorestamento que eles possuem e para uma possível doação de mudas;
- Levantamento de alguns fatores que influíram na degradação o rio: desmatamento para criação de pastagens, pisoteio de gado nas margens do rio, construção de represas, e outros.


Participante debatem as propostas

Foi acertada ainda a divisão das atividades para entrega no dia 26/04/2008, para fechamento do projeto final e da programação do mutirão junto à semana do Meio Ambiente:

- Escolas: Elaboração de gincanas com premiações, teatro, elaboração de planos de aula interdisciplinares para conscientização, paródias, textos e concurso para escolha do slogan do projeto.
- Aldeia: Pesquisar o nome indígena do rio da Barrinha, ajuda para escrever o projeto final e busca por instituições que possam fornecer sementes e mudas.
- Geraldo (Administrador): informar-se sobre o orçamento para fossas sépticas, reservatório para a água da bica, calhas para captar água da chuva das ruas (impedindo que vá direto para o rio) e contatar as secretarias de Prado;
- Capoeira: Elaboração de música temática e adaptação da puxada de rede;
- Assembléia de Deus: Trabalhar na divulgação do projeto junto ao grupo de jovens;
- Nema: Escrever o projeto final, continuar o questionário e mapeamento dos moradores da área, fazer o levantamento florístico da mata ciliar do rio e elaborar a programação da Semana do Meio ambiente junto ao mutirão.
- ACAIC: Elaboração de apresentação de dança afro com a temática do rio através do grupo Sermovimento.

Participaram moradores de Cumuruxatiba e representantes das seguintes entidades: Escola Algeziro Moura, Escola Municipal Tiradentes, Escola Municipal Antônio Climério dos Santos, Aldeia Tibá,Associação Cultural Afro-Indígena de Cumuruxatiba (ACAIC), Capoeira Sul da Bahia, Patrulha de Cumuru, Programa de Saúde da Família (PSF-5), A.C.ISF, Projeto de Gente, Igreja Católica, Assembléia de Deus, Reino das Testemunhas de Jeová e Espasú.

=======================================================================
Universidade Aberta do Brasil


Recebemos o seguinte comunicado de Délia Ladeia, Coordenadora do Polo UAB de Itamaraju:

Bom dia para todos interessados nos cursos de especialização da área de Saude da FIOCRUZ:
Agora sim é realidade.!!!! Já estão abertas as inscrições aos cursos de especialização a distância pela Universidade Aberta ofertados pela FIOCRUZ.
O Polo de Itamaraju tem 30 vagas para Ativação do Processo de Mudança na Formação e 60 vagas para Gestão em Saúde. Todos os interessados deverão fazer as inscrições via internet e preencher os requisitos exigidos no edital que enviamos em anexo.
Na oportunidade, solicitamos divulgação deste processo que certamente beneficiará não só o municipio de Itamaraju, mas toda a região do extremo sul da Bahia.

Em outro e-mail a coordenado Délia ressalta:
Esclareço que esta é uma excelente oportunidade. Imagine uma especialização em saúde ofertado pela Fiocruz, no extremo sul da Bahia, inteiramente pública.!!!
E não ficamos só com a especialização. Em junho estaremos com o vestibular da graduação de matemática no nosso Polo UAB, ofertado pela Universidade Federal da Bahia. Assim que estivermos aptos, enviaremos o edital.

O NEMA tem acompanhado de perto desde o início as gestões para a criação da UAB em nossa região e vê com grande satisfação esta luta transformando-se em realidade.
Parabéns a todos os que tem se empenhado para esta concretização.

=======================================================================

PEIXES MENINOS


O Projeto Peixes Meninos uma parceria do NEMA com o Projeto BioBahia teve o objetivo de proporcionar a um grupo de jovens de Cumuruxatiba maior conhecimento sobre peixes de riachos do Extremo Sul da Bahia.

As atividades iniciaram em agosto de 2005, com trabalhos de campo e atividadfes teóricas. No final de 2006 foi organizado um livro sobre as espécies de peixes da região que foi apresentado durante a Mostra “Kijême Zabêle” e que esperamos conseguir publicar brevemente.

Durante 2007 o “Peixes Meninos” pesquisou sobre a vida dos peixes em uma nascente de riacho. Este trabalho enviado a Congresso nacional estudou comportamento e alimentação dos peixes.

Em março de 2008 foram entregues os Certificados de participação aos jovens Ana Carolina, Camila, Danieli, Fábio, Leônidas, Manoela, Raiher e Vazigton.


Vazigton, Dani, Onda e Luisa(Orientadora) exibem o certificado de participação.

=======================================================================

PRESTAÇÃO DE CONTAS

Nosso saldo atual é de R$ 2.405,59.

Em nossa sede, exposto no quadro de avisos, está a disposição de todos os sócios e visitantes, a relação dos recursos recebidos e dos gastos realizados.

Nosso livro caixa está disponível também na Internet.(clique aqui).
Está disponível também em nossa Sede, para consulta de nossos associados, o Estatuto, as Resoluções do Conselho, o livro de atas das reuniões do Conselho Deliberativo e os textos dos projetos aprovados pelo NEMA. Pedimos a nossos visitantes que assinem o livro de presença e deixem seu e-mail para manter-mos contato.